Oito mortos no primeiro dia do feriado

 

O acidente mais grave aconteceu na BR-122, entre Capitão Enéas e Janaúba, no Norte de Minas, onde um caminhão bateu em um ônibus, matando duas pessoas e ferindo 22.

 

 

 

Pelo menos oito pessoas morreram ontem, primeiro dia do feriado de Finados, nas rodovias de Minas. O acidente mais grave aconteceu na BR-122, entre Capitão Enéas e Janaúba, no Norte de Minas, onde um caminhão bateu em um ônibus, matando duas pessoas e ferindo 22. Entre os mortos Carlos Torquato Ramos, motorista do caminhão, de Ibirité, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, e o cobrador Tarcísio dos Santos Souza, de Montes Claros.

O acidente ocorreu à 1h30, quando chovia muito na região, segundo a Polícia Rodoviária Federal. Os veículos envolvidos no acidente foram um caminhão, placa GVQ 4567, de Belo Horizonte, da empresa Rio Grande Engenharia, e o ônibus placa GVJ 3069, de Montes Claros e pertencente a empresa Transtur, do Grupo Transnorte, que fazia o itinerário Montalvânia a Belo Horizonte.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o caminhão trafegava no sentido da cidade de Janaúba. Na altura do km 176, o motorista perdeu o controle da direção, invadiu a contramão e bateu de frente no ônibus.

O motorista do caminhão, Carlos Torquato Ramos morreu na hora, enquanto o motorista do ônibus, José Francisco Silva sofreu ferimentos graves, permanecendo preso nas ferragens. Os passageiros Maria Mendes Rodrigues e Edejarme da Conceição Souza apresentaram ferimentos graves e ficaram internados em hospitais de Montes Claros.

Na BR-040, próximo ao viaduto das Almas, entre os municípios de Itabirito e Ouro Preto, na Região Central do Estado, uma pessoa morreu e duas ficaram feridas em estado grave na batida de um caminhão e um automóvel.

Na BR-381, em São Joaquim de Bicas, na RMBH, quatro pessoas ficaram feridas, uma em estado grave, na batida de dois caminhões, dois automóveis e uma moto. As duas pistas no sentido São Paulo ficaram fechadas por uma hora e meia. A passagem dos veículos foi feita pelo acostamento.

No último feriado prolongado, de Nossa Senhora Aparecida, 21 pessoas morreram nas rodovias federais do Estado. Na tentativa de reduzir o número de acidentes graves neste feriado, a Polícia Rodoviária Federal reforçou o número de operações. Nos 7 mil quilômetros de BRs sob jurisdição da PRF em Minas, estão sendo empregados 700 policiais, 130 viaturas, 36 radares e 66 bafômetros. As equipes de plantão cumprem carga horária superior à dos finais de semana normais para intensificar a fiscalização e as atividades repressivas na tentativa de inibir e retirar de circulação os motoristas infratores.

Entre as rodovias em que os motoristas devem redobrar a atenção na volta do feriado estão a BR-381, ligação de Belo Horizonte ao Espírito Santo e aos vales do Aço, Rio Doce, Mucuri e Jequitinhonha. Da capital até João Monlevade, no trecho batizado de “rodovia da morte”, são 200 curvas perigosas, e a BR-262, no trecho entre Belo Horizonte e Pará de Minas, que está sendo duplicada. Segundo a PRF, os motoristas devem evitar trafegar pela rodovia à noite. Essa mesma recomendação vale para a BR-135, ligação da BR-040 ao Norte de Minas.

Somente no dia 15 de novembro deste ano serão religados os 22 radares que estão desligados desde outubro de 2007. Doze equipamentos vão fiscalizar o excesso de velocidade nos 26,5 quilômetros do Anel Rodoviário. Somente neste ano, 27 pessoas morreram no Anel. Os outros radares serão reativados nas BRs 381, 365 e 040. O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) está licitando outros 400 radares para as BRs de Minas.

 

JORNAL HOJE EM DIA

Esse post foi publicado em Trânsito. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s