Cemig incentiva o uso consciente de energia elétrica e participa de campanha nacional de redução do consumo

Diante da maior crise hídrica em quase cem anos, população deve ter permanente atenção para o uso racional da energia. Diminuição no consumo pode gerar bônus

Confused Man Looking At Food In Refrigerator

Rear View Of A Confused Young Man Looking At Food In Refrigerator

A quantidade de chuva verificada  nos últimos dias, ainda não fez com que os níveis dos principais reservatórios existentes no estado registrassem melhoras consideráveis. O volume de armazenamento encontra-se em uma situação de estabilidade e muito próximo aos patamares analisados em meses anteriores. Desta forma, o cenário de escassez hídrica, vivido atualmente em todo o país, continua exigindo constante atenção e requer um olhar cuidadoso permanente para a importância do consumo consciente da energia elétrica.

Mesmo com o volume registrado neste início de período chuvoso, é necessário um longo momento com essa tendência para o preenchimento dos reservatórios. Pensando nisso, a Cemig orienta, mais uma vez, que simples atitudes e mudanças de hábitos diários podem contribuir para a economia de energia, por meio do uso racional e sem desperdício.

Entre os pontos destacados pela Companhia para um melhor consumo da energia elétrica nas residências, por exemplo, está a substituição das lâmpadas ineficientes pelas de LED. Além disso, vale buscar evitar acender lâmpadas durante o dia, aproveitando melhor a luz natural. Outra atitude que pode impactar diretamente para a redução dos gastos com energia é o uso adequado dos eletroeletrônicos. O chuveiro elétrico, em razão da sua elevada potência, pode representar até 30% da fatura de energia. Por isso, a simples mudança da chave da posição inverno para verão pode representar uma grande economia no fim do mês. Outro aparelho que chama a atenção pelo alto consumo de energia é o ferro elétrico. Assim, a sugestão é evitar utilizá-lo em horários em que muitos outros aparelhos estiverem ligados, de maneira a não sobrecarregar a rede de energia.

De acordo com o engenheiro de Eficiência Energética da Cemig, Thiago Douglas Batista, é importante a participação e o envolvimento de todos na adoção de medidas simples que impactam, positivamente, na redução do consumo de energia. “Pequenas atitudes praticadas no dia a dia podem fazer a diferença e, ainda, ajudam a economizar na conta no fim do mês”, ressaltou.

Campanha nacional 

A Cemig está participando da campanha nacional Consumo Consciente Já. Criada pela Associação Brasileira dos Distribuidores de Energia Elétrica (Abradee), em conjunto com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e o Ministério de Minas e Energia (MME), a iniciativa tem o objetivo de conscientizar a população brasileira sobre a importância do uso adequado e da diminuição do consumo de energia neste momento de crise hídrica pela qual passa o Brasil. E para estimular, o governo federal criou um programa que propõe ao consumidor um bônus na conta de luz, a partir da diminuição do consumo de energia elétrica nos meses de setembro a dezembro de 2021, na comparação com o mesmo período do ano de 2020.

No Programa de Incentivo à Redução Voluntária do Consumo de Energia Elétrica, o consumidor somente receberá o bônus se a soma dos consumos de energia elétrica de setembro a dezembro de 2021 for inferior à soma dos mesmos meses de 2020, em pelo menos 10%. Caso seja atingida a meta de redução, o consumidor receberá um bônus de R$ 0,50 por quilowatt-hora (kWh) do total da energia economizada. O bônus a ser creditado na conta de luz é limitado à economia de até 20% no consumo. Para outras informações, basta acessar o site da Cemig.

Ferramenta 

A equipe da Cemig trabalha na formulação de um dispositivo que vai permitir que o consumidor da Companhia faça a simulação do possível desconto que receberá, caso consiga entre 10% e 20% de redução no consumo. Ao colocar na ferramenta os dados registrados no ano passado, o simulador calculará, para os clientes que têm direito ao bônus de acordo com os critérios estabelecidos pelo programa federal, de quanto poderá ser o benefício a partir do percentual de redução. A previsão é de que a iniciativa esteja disponível nos próximos dias.

ofere sapataria do pingo

Esse post foi publicado em Noticias de Minas Gerais. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s