Enfermeiros são presos por vender receitas médicas a R$ 10

Policiais encontraram com eles atestados e carimbos de vários médicos que atendiam no hospital da cidade

 

EPTV

Dois enfermeiros foram presos em Ouro Fino, por venderem atestados e receitas médicas. Segundo a polícia, um dos funcionários trabalham no Pronto-atendimento da cidade. O outro não trabalha na área, mas vendia os documentos públicos na rua por R$ 10. Os policiais encontraram com eles atestados e receitas com carimbos de vários médicos que atendiam no hospital da cidade, inclusive documentos em branco, apenas carimbados e assinados. Entre as receitas comercializadas, estavam algumas de medicamentos controlados.

Os dois enfermeiros foram levados para a Cadeia de Ouro Fino e depois transferidos para Pouso Alegre. Eles disseram à polícia que conseguiam os documentos através de um funcionário do Pronto-atendimento, que também foi preso.

A secretária municipal de Saúde, Sinara Barsi Palomo, disse que vai acompanhar as investigações da polícia e tomar as medidas cabíveis contra o funcionário do Pronto-atendimento.

Sobre Giácomo Costanti

Email: contato@valeindependente.com.br
Esse post foi publicado em Notícias Policiais, Noticias de Minas Gerais, Saúde. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s