Cursos de Medicina de Pouso Alegre e Itajubá terão vagas reduzidas

Mau desempenho em prova do Enade fez com que a decisão do MEC fosse tomada

A Universidade do Vale do Sapucaí, em Pouso Alegre e a Faculdade de Medicina de Itajubá terão que reduzir o número de vagas do curso de Medicina no ano que vem. O motivo é o fraco desempenho que essas instituições tiveram na avaliação do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade).

As duas faculdades do Sul de Minas tiraram apenas nota 2 no Conceito Preliminar de Curso, o CPC. O conceito se baseia na qualificação dos professores como número de mestres e doutores, e na infraestrutura dos locais de ensino, avaliados em um questionário respondido pelos próprios alunos. A faculdade oferecia 100 vagas e agora poderá oferecer apenas 60 para o próximo ano.

Já em Pouso Alegre, o número de vagas deverá cair de 70 para 40, segundo o Ministério da Educação. A direção da instituição diz que o mau rendimento aconteceu devido a uma mudança na data da prova do Enade, feita no ano passado. Segundo a direção, a prova foi feita um dia depois da formatura dos alunos, que não tinham condições de fazer a avaliação após uma festa.

A Universidade José Rosário Velano (Unifenas) também tirou nota 2 no curso de Medicina no campus de Belo Horizonte. A instituição vai sofrer um corte de 24 vagas.

Sobre Giácomo Costanti

Email: danieli@valeindependente.com.br
Esse post foi publicado em Noticias de Minas Gerais. Bookmark o link permanente.

5 respostas para Cursos de Medicina de Pouso Alegre e Itajubá terão vagas reduzidas

  1. Guilherme disse:

    Para vocês verem como anda o ensino nas faculdades particulares.
    Enquanto a mensalidade delas só aumenta, o conhecimento dos estudantes só diminui.
    Virou uma máquina de fazer de dinheiro.

    Enquanto isso as faculdades públicas de medicina foram muito bem nas avaliações, tanto ENADE, quanto CPC.

  2. Para complementar o comentário acima, a UNIFEI ficou entre as 10 melhores universidades do país e se eu não me engano apenas duas particulares ficaram dentre essa colocação. É um dado a se pensar… porque não mais particulares subindo as notas? Educação não é comercio! E pelo menos no ponto das universidade federais tenho que parabenizar o governo, porque o ensino está muito bom nelas, falta ampliar o numero de vagas e as chances…

  3. Gustavo disse:

    Nesse rank onde a UNIFEI ficou entre as 10 melhores do país apenas uma particular estava na lista, e agora saiu uma avaliação que apenas 1,24% das universidades do país ( entre particulares e públicas ) receberam nota máxima no IGC ( Indice Geral de cursos ), e a UNIFEI está entre elas.
    Excelência em Engenharia, dispondo 14 cursos na área de Engenharia, mas também outros cursos como Física, Matemática, Administração entre outros. Uma universidade brilhante.

  4. BT disse:

    Só pra constatar, os alunos fizeram essa prova sem dormir e bêbados, sem condição nenhuma de fazer a prova após a festa de formatura, então, parem de julgar as pessoas sem saber o que realmente aconteceu.

  5. jorge luiz martins disse:

    realmente o valor que pagamos (mensalidade) do curso de medicina não é justo pelo que a faculdade oferece para os alunos. para vcs terem ideia , em fevereiro houve apenas 11 dias de aula e pagamos um absurdo de mensalidade.. Vejo que pouco sabe , meu filho, sobre medicina e vai para o 3 ano!!! Provavelmente o numero de vagas pode chegar a 15 no proximo ano ou fechar a faculdade …..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s