Hospital Regional Antônio Dias recebe habilitação de Alta Complexidade em Traumatologia e Ortopedia

Reconhecimento da unidade da Fhemig pelo Ministério da Saúde foi publicado nesta terça-feira (19/4)

O Hospital Regional Antônio Dias (HRAD), em Patos de Minas, foi habilitado como unidade de Alta Complexidade em Traumatologia e Ortopedia pelo Ministério da Saúde. A portaria foi publicada nesta terça-feira (19/4) no Diário Oficial da União.

Com isso, passa a ser incorporado ao limite financeiro de Média e Alta Complexidade (MAC) do Estado de Minas Gerais e do Município de Patos de Minas o recurso do Bloco de Manutenção das Ações e Serviços Públicos de Saúde – Grupo de Atenção Especializada, no valor anual de R$ 496 mil.

A diretora do HRAD, Valéria Costa Queiroz, afirma que a habilitação representa uma grande conquista para a unidade. “Por sermos referência em traumas para a macrorregião Noroeste de Minas Gerais, há mais de duas décadas, a unidade vem pleiteando esse reconhecimento, uma vez que realiza tratamentos de alta complexidade, como procedimentos cirúrgicos de coluna, quadril, artroscopia de joelho, ombro, mão, entre outros. A habilitação, além de consolidar a vocação institucional no atendimento de alta complexidade, proporciona também incremento no faturamento hospitalar”, disse.

Para a diretora assistencial da Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (Fhemig), Lucineia Carvalhais, a chegada da habilitação federal reforça a vocação da unidade como centro de atenção especializado nesta linha de cuidado.

“O HRAD já cumpria esse papel regional com impacto territorial enorme, sendo referência para, aproximadamente, 700 mil habitantes, e garantindo acesso a insumos e tratamentos de extrema qualidade que, até então, eram custeados pelo orçamento da Fundação. Então, isso é muito mais que um reconhecimento. A habilitação vem demarcar, de forma mais nítida, o papel da unidade, deixando claro que aquilo que já executamos é, de fato, nossa missão e futuro como prestadores do cuidado de alta complexidade em Traumato-Ortopedia”, ressalta Lucineia.

A secretária municipal de saúde de Patos de Minas, Ana Carolina Magalhães Caixeta, endossa a importância do reconhecimento federal para o serviço. “É uma habilitação esperada por anos. Irá agregar muito à assistência para atendermos mais e melhor. Sem dúvidas, uma conquista histórica, que irá aumentar nossa capacidade. Estamos muito felizes”, conclui.

pepita ofere certo

 

Esse post foi publicado em Noticias de Minas Gerais. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s