Milionário que violentou filha por 18 anos é condenado à prisão

A vítima, que hoje tem 27 anos, sofria abusos desde os 9 anos de idade

Um dos empresários mais ricos do Sul de Minas Gerais foi condenado a 25 anos de prisão por estuprar a própria filha durante 18 anos. A sentença após julgamento em Poços de Caldas.

Paulo Molinari foi descoberto em março deste ano quando a mãe da jovem, sua ex-namorada, encontrou um pen drive com imagens dos abusos gravados pela própria filha.

A vítima, que tem hoje 27 anos, disse que não fez a denúncia por causa de ameaças. Ela foi estuprada pela primeira vez aos 9 anos de idade e os abusos continuaram até a vida adulta.

A prisão de Paulo Molinari foi decretada em abril e, desde então, ele está no presídio de Poços de Caldas. Ele é dono de uma fábrica de cristais referência do setor, que exporta as pedras do tipo murano para vários países.

Com informações de Estela Torres

ofere funeraria paf

Esse post foi publicado em Notícias Policiais. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s