Parque Tecnológico de Santa Rita do Sapucaí terá plano estratégico de desenvolvimento

Santa Rita do Sapucaí, cidade do Sul de Minas Gerais, conhecida como o ‘Vale da Eletrônica’, e reconhecida por desenvolver importantes soluções  tecnológicas  para o país, como as urnas eletrônicas e os transmissores de TVs analógicos e digitais, continua de olho no futuro.

Santa-Rita-do-Sapucaí

A referência em inovação deu ao município mineiro o privilégio de sediar o único Parque Tecnológico Aberto do estado.  O documento obtido junto ao Governo de Minas, trouxe benefícios ao município e ao mesmo tempo revelou a necessidade de traçar um plano de ação para impulsionar ainda mais o desenvolvimento. Por este motivo, um planejamento estratégico de curto, médio e longo prazo começou a ser feito com o apoio do Sebrae Minas.

“O parque tecnológico de Santa Rita do Sapucaí se caracteriza por não possuir muros, diferentemente de outros parques que funcionam em espaços fechados. As empresas estão por toda a cidade e o fato de o Parque ter essa característica facilita a integração”, explica o presidente do Sindvel, Roberto de Souza Pinto.

Entre as iniciativas previstas neste planejamento está um estudo que inclui uma consulta aos setores considerados pilares da economia do município – também denominados de ‘cinco hélices’: governo, indústrias, universidades, sociedade civil e sistema financeiro.

“A proposta é que cada um contribua com a sua visão do parque tecnológico e apresente sugestões para a ampliação da assistência oferecida aos empreendimentos,” explica Emilio Beltrami, consultor e especialista em Política Internacional e Desenvolvimento Econômico do Território.

O objetivo é avaliar o cenário e identificar lacunas e oportunidades para ampliar a atuação do parque tecnológico, de modo que ele possa beneficiar todos os setores produtivos do município, estimulando assim o surgimento de novas empresas e a geração de emprego e renda.

“A ampliação da atuação do parque tecnológico é uma excelente oportunidade de desenvolvimento econômico e também uma maneira de fomentar a pesquisa e a inovação para atrair investimentos e incentivar as exportações locais”, comenta a analista do Sebrae Minas Myrian Sousa.

Reconhecimento

A vocação de Santa Rita do Sapucaí como parque tecnológico começou ainda na década de 1980, quando a cidade abrigava apenas 17 indústrias. Atualmente, são 163 indústrias de base tecnológica, cerca de 15 mil postos de trabalho ocupados e um faturamento anual estimado em R$ 3,2 bilhões.

O reconhecimento do Parque Tecnológico Aberto, obtido em janeiro deste ano, pelo Governo do Estado, possibilitou o acesso às políticas públicas específicas e aos benefícios fiscais, bem como a financiamento com taxas mais vantajosas. Além disso, o documento é considerado um selo de qualidade perante o mercado.

ASCOM SEBRAE MINAS

ofere rodel novo

Esse post foi publicado em Cidade. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s