Sedese dá início ao pagamento do Renda Minas

Repasse será feito em duas parcelas, sendo a primeira referente aos meses de outubro e novembro

O Governo de Minas Gerais começa a pagar nesta sexta-feira (13/11) o Renda Minas, maior programa de transferência de renda da história do Estado. O repasse será feito aos representantes familiares que nasceram no mês de janeiro. No dia 16, será a vez dos que nasceram em fevereiro.

O pagamento será feito em duas parcelas, sendo a primeira referente aos meses de outubro e novembro, e a segunda correspondente ao mês de dezembro, que será quitada a partir do dia 7/12. Apenas o titular e responsável pela família terá acesso ao Renda Minas. Em nenhuma hipótese o benefício será pago em contas de terceiros.

Critérios

Têm direito ao benefício as pessoas inscritas no CadÚnico até 11 de julho de 2020. As famílias também terão que se enquadrar na condição de extrema pobreza, aquelas cuja renda por pessoa não ultrapasse os R$ 89 mensais.

O benefício será um complemento ao Auxílio Emergencial do governo federal e é destinado a pessoas inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do governo federal, o CadÚnico. Ao todo, serão beneficiadas quase 1 milhão de famílias mineiras e 2,8 milhões de pessoas.

Para saber se você está dentro dos critérios para receber o benefício, basta acessar o site do programa (www.rendaminas.mg.gov.br) e fazer a consulta por meio do CPF ou pelo Número de Inscrição Social (NIS).

Procedimento

Os pagamentos do Renda Minas serão feitos pela Caixa Econômica Federal.  Os depósitos cairão automaticamente nas contas já existentes de beneficiários, como poupança, conta simplificada e poupança social digital (conta digital, movimentada por meio do aplicativo Caixa Tem).

Mais de 900 mil beneficiários já possuíam conta aberta na Caixa. Para cerca de 66 mil pessoas elegíveis ao Renda Minas e que ainda não possuíam conta no banco, já foram abertas mais de 30 mil contas. Para o restante será aberta automaticamente uma conta individual com base nos dados dos responsáveis pelo cadastro da família no CadÚnico. O acesso pode ser feito pelo Caixa Tem, devendo apenas observar o mesmo calendário do auxílio emergencial para sacar o Renda Minas.

Para esclarecimentos gerais sobre o programa, a Sedese disponibiliza o email: rendaminas@social.mg.gov.br.

Confira o calendário de pagamento:

Esse post foi publicado em Noticias de Minas Gerais. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s