Mais visibilidade para FIEMG Regional Sul

Presidente Heloisa Bertoli quer fortalecer as indústrias de diversos portes da região

À frente da FIEMG Regional Sul há quatro meses, a empresária Heloisa Bertoli se tornou a primeira mulher presidente de sindicato na região. Desde 2015 atua como presidente do Sindicato da Indústria do Vinho de Minas Gerais (SindVinhoMG), tendo ocupado os cargos de diretora adjunta e vice-presidente entre os anos 1994 e 2015.

A recém-empossada presidente regional, além de dar continuidade ao trabalho do ex-presidente, Sebastião Rogério, quer dar ainda maior visibilidade à FIEMG Regional Sul. “Vamos fortalecer as indústrias dos diversos portes, através de programas como o FIEMG Competitiva, que qualifica as empresas nos três eixos fundamentais: finanças, gestão e mercado”, diz.

Um dos objetivos de sua gestão é aproximar e valorizar as mulheres industriais da região. “Precisamos encontrá-las para que possam participar, de forma efetiva, de ações neste mundo empresarial que, ainda, é majoritariamentetão masculino”, afirma.

A FIEMG Regional Sul abrange 156 cidades e conta com 12 sindicatos empresariais que visam auxiliar a indústria mineira. Bertoli considera que a região sul é estrategicamente bem localizada geograficamente, fazendo fronteira com estados economicamente relevantes, como Rio de Janeiro e São Paulo. “A meta é fortalecer os setores produtivos junto aos seus sindicatos empresariais”, pontua. A Regional Sul está em novo endereço, juntamente com SESI , na Praça José Corrêa de Campos 46 – Bairro São Geraldo.

A empresária

Heloisa Bertoli é formada em Terapia Ocupacional (PUC Campinas) e possui MBA em Gestão Executiva de Negócios (PUC Minas). A empresária ocupa os cargos de delegada no Conselho de Representantes da FIEMG desde 1996, foi diretora da FIEMG Regional Sul de 2018 a 2020, é integrante da Câmara de Alimentos e Bebidas da FIEMG. Atua como conselheira da Federação mineira nos comitês de Bacia Hidrográfica das Regiões: CBH Afluente Mineiro do Alto Rio Grande (GD1); CBH Entorno do Lago de Furnas (GD3); CBH Rio Verde (GD4); CBH Rio Sapucaí (GD5); CBH dos Afluentes Mineiros dos Rio Mogi-Guaçu e Pardo(GD6) e (PJ1) Piracicaba Jaguari. Ainda é membro permanente da Câmara da Cadeia Produtiva de Viticultura, Vinhos e Derivados do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) e da Câmara Técnica Setorial de Fruticultura do Conselho Estadual de Política Agrícola (CEPA) da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de MG (SEAPA).

ASCOM FIEMG

Esse post foi publicado em Noticias de Minas Gerais. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s