Cachoeira de Minas terá fórum ampliado e reformado

Novo espaço deve ser entregue em 2020


Cachoeira de Minas terá fórum ampliado e reformado
Novo espaço deve ser entregue em 2020
De forma remota, o presidente Nelson Missias de Morais anuncia ampliação e reforma do fórum de Cachoeira de Minas

O presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), desembargador Nelson Missias de Morais, anunciou nesta quarta-feira (24/6) a ampliação e reforma do Fórum Deputado Christovan Chiaradia, na Comarca de Cachoeira de Minas. O anúncio foi feito de modo remoto e através do Facebook .

Na comarca, o juiz diretor do foro, Almir Prudente dos Santos, comentou que a execução das obras é a realização de um sonho alimentado desde 1991, quando da inauguração do fórum.

O magistrado disse que as novas instalações irão proporcionar um melhor atendimento ao cidadão, bem como melhores condições de trabalho para magistrados, servidores, colaboradores, promotores, advogados e defensores públicos.

“Teremos a possibilidade de oferecer a todos um trabalho de qualidade e serenidade. Trata-se de um passo gigante rumo à modernidade”, destacou.

A obra

A edificação terá a infraestrutura necessária ao desempenho das atividades jurisdicionais, de acordo com os parâmetros de conforto, ergonomia, acessibilidade e salubridade exigidos para o atual momento, informou o desembargador.

O primeiro andar acomodará defensoria pública, OAB, Ministério Público, administração, sala para os oficiais de justiça e setor psicossocial. O segundo pavimento terá o salão do júri, espaço para testemunhas, Juizado Especial, Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc), vara judicial, entre outros ambientes.

Leveza e determinação

Na transmissão remota, o presidente Nelson Missias de Morais registrou que as ações de melhoria das condições de trabalho refletem na entrega da prestação jurisdicional. “O Tribunal de Justiça precisava sair da redoma na qual se encontrava e enxergar o que busca a sociedade. Devemos ampliar a dimensão humana e social em nossa atuação”, disse.

O presidente está prestes a encerrar seu mandato. Na oportunidade, lembrou que cumpriu as metas estabelecidas, pautando suas ações sempre na gestão compartilhada. “Isso contribui para que todos trabalhem com leveza e determinação”, disse.

O chefe da Corte mineira ressaltou que procurou valorizar a Primeira Instância, o que repercute na Segunda Instância. “O que se melhora em um segmento, por exemplo, a incorporação do processo eletrônico, facilita o trabalho do segundo grau de jurisdição”, disse.

De janeiro a julho de 2020, em Cachoeira de Minas, foram distribuídos 461 processos e assinadas 634 sentenças. A comarca, que abrande também o Município de Conceição dos Ouros, é de primeira entrância.

Acompanharam o anúncio os desembargadores Octavio Augusto De Nigris Boccalini, Maurício Pinto Ferreira e Fortuna Grion; os juízes auxiliares da Presidência, Luiz Carlos Luiz Carlos Rezende e Santos, Delvan Barcelos Junior, Jair Francisco dos Santos, Rui de Almeida Magalhães e Christian Garrido Higuchi.

Em Cachoeira de Minas, estavam presentes o prefeito Dirceu Faria; o presidente da Câmara Municipal, vereador Dionísio Filho; o presidente da subseção local da OAB/MG, Ronaldo Reis; o delegado Ricardo Lopes; o sargento Alisson Costa; a servidora Sônia Regina; e o prefeito de Conceição dos Ouros, Maurício Viana.

ASCOM TJMG

Esse post foi publicado em Noticias de Minas Gerais. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s