DE OLHO NA CIDADE – Calçamentos na Zona Rural em Santa Rita

Em Santa Rita do Sapucaí os calçamentos na Zona Rural estão prestes a completar um ano, começaram em Julho de 2019.

Tudo começou em janeiro de 2017 quando os vereadores Alexandre Márcio da Silva (Labruna), Marcos Azevedo Moreira (Tatinha), João Paulo Sampaio e Giácomo Henrique Costanti,  fizeram uma indicação ao então prefeito Jefferson Gonçalves Mendes.

O prefeito Jefinho, assim que recebeu a indicação dos quatro vereadores, já começou a trabalhar para que ela saísse do papel.

A princípio fez se uma licitação para que os morros fossem calçados com “massa asfáltica”.

A empresa que ganhou a licitação iniciou os trabalhos na estrada de Cachoeirinha e no Porto Sapucaí, porém quando foi “conhecer” os demais pontos, mais distantes e de morros altos, simplesmente abandonou os trabalhos. O município tomou as devidas medidas para punir á empresa e deu se início a uma nova licitação.

Já agora com o Prof. Wander como prefeito, surgiu se a ideia de que os calçamentos fossem feitos com bloquetes, tendo em vista a manutenção mais fácil e também traria mais durabilidade do que a massa asfáltica. Assim sendo novas licitações foram feitas para calçamento com bloquetes, tanto para os materiais, como para mão de obra.

Em Julho de 2019 surgiram a oportunidade de dois calçamentos no Fagundes, através de PPP – Parceria Público Privada, onde o município iria entrar com toda a preparação da área e os materiais necessários; a comunidade local iria entrar com a mão de obra.

Assim teve início o primeiro calçamento, no Fagundes próximo à igreja.

Após a conclusão daquele local, deu início ao segundo calçamento no local conhecido como Morro do Paulinho, também no Fagundes, sendo então mais uma parceria entre o município e os moradores.

A prefeitura fez todo o serviço de terraplanagem, assim como de drenagem das águas de chuvas e entregou todo o material necessário para que o calçamento fosse feito.

Os trabalhos foram acompanhados de perto pelo Secretário Municipal de Transporte, Trânsito, Rodoviário e Mobilidade Urbana, que providenciou toda a sinalização antes, durante e depois do calçamento.

Deu se início então ao terceiro calçamento, sendo também mais uma parceria entre o município e moradores locais, agora na Serra dos Borges na região do Bom Retiro.

O quarto trecho a ser calçado, conhecido como Morro do Ivan, na estrada do Bom Retiro já foi diferente, pois não foi mais uma parceria público privado, sendo então uma obra feita pela empresa que ganhou a licitação de mão de obra e mais uma vez o município providenciou toda a terraplanagem, drenagem e materiais para o calçamento.

O quinto trecho de calçamento rural teve início na semana passado no bairro dos Fortes, sendo também custeado pelo município tanto a mão de obra como os materiais.

A mesma empresa que fez o trabalho no Morro do Ivan está fazendo neste local.

O sexto trecho a ser calçado já começou a ser preparado, local conhecido como Morro do Juca Mendes, na estrada do Balaio/Fagundes/Capituva entre outros. 

Também será totalmente custeado pelo município, tanto na mão de obra como nos materiais.

O sétimo trecho deverá ser o local conhecido como Morro de Pedra na região da Cruz da Caveira com Balaio.

Outros bairros rurais como Capituva, Vintém, Pouso do Campo, entre outros, receberão calçamento.

Esse post foi publicado em De Olho na Cidade. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s