Suspeito confessa ter matado motorista de aplicativo em MG: ‘Eu estava bêbado, cheguei, já fiz’

Tiago Henrique Miguel,

O suspeito de ter matado o motorista de transporte por aplicativo Tiago Henrique Miguel, de 29 anos, confessou o crime após ser preso na manhã de sábado(19). Segundo a polícia, Cristiano dos Santos Marques, de 32 anos, cometeu o crime porque não aceitava o fim do relacionamento com a passageira, que também era ex-namorada da vítima.

“Eu estava bêbado, cheguei, já fiz o que tinha que [ser] feito e pronto”, disse o suspeito ao ser colocado em uma viatura da polícia. “Ah, fazer o quê? Agora já fiz a cagada, né?”, completou.

O crime aconteceu quando Ana Caroline Francisco de Souza, de 27 anos, chamou Tiago para a corrida. Ela contou que por já ter tido um relacionamento com o motorista, confiava nele e costumava pegar corridas mesmo fora do aplicativo, o que foi o caso. Eles foram surpreendidos e atacados quando chegaram na casa da passageira.

Cristiano atacou Tiago com uma faca e uma foice. O motorista chegou a descer do carro e tentar fugir, mas foi alcançado. A mãe de Ana Caroline ouviu os gritos por socorro e correu até o local.

“Aí eu desci e, quando eu desci, eu só vi o vulto dele. Ele passou assim correndo, aí eu gritei ‘para, para’. Ele falou para mim assim: ‘Pode chamar a polícia, eu já matei mesmo'”, contou Ângela Maria Francisco.

Segundo Ana Caroline, Cristiano era violento e já tinha sido agressivo outras vezes.

“Ele sempre foi violento. Quando a gente estava junto, ele incendiou o carro de um rapaz,

Ana Caroline

achando que eu estava com o rapaz. E colocou fogo. Ele destruiu a moto de um primo meu. Ele chegou a bater já na minha mãe”, disse. “Nós terminamos em janeiro, mas ele nunca aceitou o fim. Ele falava para mim assim: ‘foi terminado na sua cabeça, na minha não'”, contou Ana Caroline.

A polícia foi acionada e, ao chegar ao local, por volta das 21h40, encontrou Tiago ensanguentado, sendo amparado pela mãe de Ana Caroline. O motorista foi socorrido ainda com vida e levado para o Hospital São Sebastião por uma equipe do Corpo de Bombeiros.

No hospital, Tiago foi submetido a exames para averiguar os ferimentos que tinha na cabeça, mas não resistiu e morreu às 2h00 de sábado(19). O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal da cidade e depois liberado para a funerária. O corpo foi enterrado no fim da tarde.

“Era um menino novo, 28 anos, cheio de saúde, cheio de planos. E perder a vida de uma forma dessa, para nós, familiares, é muito triste, muito triste”, lamentou Mário Lúcio Benedito, que era tio de Tiago.

A polícia iniciou as buscas e localizou o suspeito, de 32 anos, durante a manhã, às margens da Rodovia Fernão Dias.

“Ele alegou que estava deslocando para o trabalho, só que a guarnição, atenta, percebeu que ele estava com sintomas de embriaguez”, disse o tenente Felipe Faria, da Polícia Militar. “”E [a guarnição] realizou a prisão dele e ele confessou o crime”.

Cristiano estava com outras duas facas, mas disse à polícia que não se tratava das armas utilizadas no crime, pois teria abandonado-as no local. Ele foi preso e encaminhado para a Penitenciária de Três Corações. As armas utilizadas no crime foram apreendidas.

G1 Sul de Minas

Anúncios
Esse post foi publicado em Geral. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s