Projeto Building Connectivity apresenta inovações tecnológicas na Feira Industrial do Vale

Entre os destaques da programação da 13a Feira Industrial do Vale da Eletrônica, que acontece entre os dias 3 e 5 de setembro, em Santa Rita do Sapucaí, está o projeto Building Connectivity. A iniciativa, que é desenvolvida pelo Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Minas Gerais (SEBRAE-MG) e conta com a participação de 35 indústrias do Arranjo Produtivo Local (APL) da cidade, tem o objetivo de integrar as empresas do Vale, a fim de torná-las mais competitivas nacional e internacionalmente, focando no setor da construção civil. Na feira, todas as companhias que fazem parte do projeto estarão expondo no pavilhão de exposições.

O Building Connectivity existe há três anos e foi pensando especificamente para as empresas do Vale da Eletrônica, no momento em que o Sebrae identificou que o mercado da construção civil estava em expansão e que Santa Rita fabricava vários produtos para o setor, se configurando como um mercado em potencial para o segmento. “As indústrias do Vale que vendiam para as construtoras buscavam seus clientes de maneira individual. Pensamos, então, em uma forma de unificar essas empresas, de forma que um projeto fosse atendido por todas elas”, diz o analista técnico responsável pelo Sebrae em Santa Rita, Rodrigo Pereira, que também pontua os benefícios dessa integração. “Com o Building Connectivity, as negociações foram otimizadas e o faturamento passou a crescer. Além disso, as empresa do Vale que atuam no projeto conseguiram se inserir de maneira mais efetiva nesse nicho de mercado”, afirma.

Para o presidente do Sindicato das Indústrias de Aparelhos Elétricos, Eletrônicos e Similares do Vale da Eletrônica (SINDVEL) e presidente de uma das empresas que compõem o Building Connectivity, Roberto de Souza Pinto, o projeto só trouxe benefícios para a cidade. “A iniciativa do Sebrae permitiu uma maior sinergia entre algumas empresas do Vale. Com os nossos produtos, conseguimos unificar todas as redes de uma edificação, que incluem segurança, ventilação, iluminação, telecomunicações, áudio e vídeo. Isso ampliou nossa atuação em um importante setor como o da Construção Civil”, afirma Roberto.

Chicote elétrico Visando maior agilidade, economia e qualidade das obras, o setor da construção civil está cada vez mais focado na industrialização dos seus processos. Para isso, as grandes empresas do segmento apostam no chamado “chicote elétrico residencial”, uma das mais importantes tecnologias desenvolvida no Vale da Eletrônica, fabricada pela LM Montagens e Serviços. O sistema é padronizado e consiste na elaboração e tubulação de todo o circuito elétrico de um imóvel, contendo a localização exata de cada cômodo. O projeto é inteiro feito baseado na planta da unidade e, após produzido, só precisa ser instalado.

Dentre as vantagens do chicote elétrico, que está sendo cada vez mais utilizado, estão a simplificação da logística, pois não é preciso mais armazenar bobinas ou cortar fios, e o fim do desperdício de material, pois é tudo feito sob medida. De acordo com Rodrigo Pereira, a economia nesses casos pode chegar a 30%. “É importante cada vez mais baratearmos o custo das edificações e a tecnologia é essencial para isso. Calcula-se que, em 20 anos, o valor gasto com a manutenção de obras mais antigas atinge o equivalente ao gasto total da construção”, revela.

Programação

Dia 03 de setembro – Auditório Sinhá Moreira – ETE

14h – Abertura Oficial FIVEL

15h – Visita ao Pavilhão de Exposições com autoridades e convidados

16h – Palestra “Oportunidades de parceria e negócios com Marinha do Brasil”

18h – Palestra “Oportunidades de parceria e negócios com o Exército Brasileiro”

Dia 04 de setembro – Anfiteatro ETE

1o Simpósio da Construção Civil do Vale da Eletrônica

14h – Palestra 1: Soluções Construtivas em Alvenaria Estrutural com Blocos de Concreto

Engenheiro Davidson Figueiredo Deana – Ethos Soluções 

16h – Palestra 2: Industrialização do Sistema Construtivo para Edificações

Engenheiro Ricardo Brito – CLP Engenharia.

18h – Palestra 3: Inovações Tecnológicas nas Instalações Prediais

Engenheiro Rony Rossi Horto – Efatá Projetos e Soluções Integradas

Dia 05 de setembro – Anfiteatro ETE

14 h – 1o Encontro de RH do Vale da Eletrônica

Tema: IntraEmpreendedorismo, inovação em gestão de pessoas

Arrison Nogueira Tavares – Consultor do Sebrae

16h – Lançamento Sebraetec 2015oferecimento-acougue-bife-de-ouro1

Esse post foi publicado em Geral. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s