Primeiro helicóptero 100% brasileiro será construído até 2020 no país

Informação foi confirmada durante inauguração de nova ala em Itajubá.

Helibras passa a produzir aeronaves militares com tecnologia francesa.

O primeiro helicóptero com tecnologia 100% brasileira poderá ser construído até 2020 no Brasil. A informação foi dada nesta terça-feira (2) pelo presidente do grupo francês Eurocopter, Lutz Bertling, durante a inauguração do novo hangar da empresa Helibras, em Itajubá. A empresa do Sul de Minas, associada dos franceses, é a única no país capacitada para a produção de helicópteros.

O novo hangar vai abrigar a linha de montagem do helicóptero EC725, destinado ao transporte de tropas militares. Além disso, a empresa também vai aumentar sua participação na produção do AS350 Esquilo, até então o único helicóptero civil produzido no país e que é o mais vendido no mundo.

Novo helicóptero militar da Helibras EC725 encomendado para as Forças Armadas (Foto: Samantha Silva / G1)Novo helicóptero militar da Helibras EC725 encomendado para as Forças Armadas (Foto: Samantha Silva / G1)

“O objetivo é a transferência de tecnologia. Até agora eram apenas projetos para produção parcial, mas agora há essa transferência de know How. Além disso, as máquinas construídas também terão suporte e manutenção no Brasil.”, disse Bertling.

No final de 2008, o Ministério da Defesa assinou contrato com a Helibras para a aquisição de 50 helicópteros EC725 para as Forças Armadas Brasileiras. O contrato é da ordem de R$ 5 bilhões, com investimento de R$ 420 milhões realizados na construção do novo hangar e de todas as instalações auxiliares, além da contratação das empresas que fornecerão partes, peças e serviços para a nova aeronave, aumentando o índice de nacionalização dos helicópteros para 50%. A produção das aeronaves teve início em maio de 2012, quando o novo hangar foi finalizado.

Hoje, mesmo com os novos investimentos, a empresa irá participar da produção de 50% das aeronaves. Os aparelhos continuam a ser desenvolvidos e parcialmente produzidos na França.

Autoridadaes participaram da inauguração do novo hangar da Helibras (Foto: Samantha Silva / G1)Autoridadaes participaram da inauguração do novo hangar da Helibras (Foto: Samantha Silva / G1)

Participaram da inauguração da nova ala de produção, autoridades como o governador de Minas Gerais, Antônio Anastasia; o ministro da Defesa, Celso Amorim; o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel e representantes das Forças Armadas. O presidente da Helibras, Eduardo Marson, disse que com a expansão, foram criados cerca de 400 novos postos de trabalho.

“Em 2009 tínhamos cerca de 260 funcionários, hoje são 710 empregados. A área de engenharia contava com nove funcionários. Hoje, são 70 pessoas. Todos passaram de seis meses a um ano e meio na França para se adaptarem a essa nova produção”, disse ele.

Segundo Lutz Bertling, da Eurocopter, com esta expansão, a Helibras passa a ser um dos pilares da empresa no mundo para a produção e desenvolvimento de tecnologia de aeronaves. Além da França, a Eurocopter já possui projetos semelhantes na Alemanha e na Espanha. O ministro do Desenvolvimento disse que essa parceria para equipar as Forças Armadas fazem parte de um plano de desenvolvimento.

“Esse investimento demonstra a pujança econômica do país, mostrando que é possível vencer a crise. Temos plenas condições de nos tornar uma nação líder no século 21”, disse Fernando Pimentel. A ideia foi reforçada pelo ministro da Defesa, Celso Amorim. “Estou satisfeito com o processo, é uma forma de crescimento do país. É um grande impulso para o desenvolvimento da indústria nacional, da capacidade brasileira de se realizar um projeto que não apenas absorve o que vem de fora”, disse ele.

Segundo o presidente da Helibras, das 50 aeronaves militares contratadas, quatro já foram entregues. Uma delas já é utilizada pela presidente Dilma Rousseff para visitação em lugares de difícil acesso. Outras três já estão prontas e serão entregues nos próximos meses.

Empresa passa a produzir helicópteros militares (Foto: Samntha Silva / G1)Empresa passa a produzir helicópteros militares (Foto: Samntha Silva / G1)

Sobre Giácomo Costanti

Email: danieli@valeindependente.com.br
Esse post foi publicado em Noticias de Minas Gerais. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s