Divulgado resultado do Enem 2009

Os resultados do Enem ( Exame Nacional do Ensino Médio) 2009 já estão disponíveis no site do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais). Os participantes do exame poderão disputar uma das 47,9 mil vagas de 49 universidades e institutos federais que adotaram a prova como fase única de seleção. O processo será feito por meio do Sisu (Sistema de Seleção Unificada) em três chamadas. Até o dia 3 de fevereiro, o aluno acessa o site http://sisu.mec.gov.br, insere o número de inscrição do Enem e seleciona o curso e a instituição em que pretende estudar. As vagas serão distribuídas de acordo com as melhores notas do exame. O participante poderá mudar de opção de curso e de instituição de ensino, mas a escolha anterior deixa de valer. 

Em Minas, o Enem será usado como fase única no processo seletivo das universidades federais dos vales do Jequitinhonha e do Mucuri (UFVJM), de Alfenas (Unifal), de Itajubá (Unifei), de Lavras (Ufla) e de São João del-Rei (UFSJ). O exame também será usado para substituir a primeira fase dos vestibulares das universidades federais de Uberlândia (UFU), de Ouro Preto (Ufop) e de Juiz de Fora (UFJF).

O primeiro período de escolha irá das 6h do dia 29 de janeiro até as 23h59 do dia 3 de fevereiro. Em seguida, de 15 a 20 de fevereiro, acontecem as inscrições da segunda etapa para preencher as vagas que não foram ocupadas. Os resultados dessa fase estarão disponíveis no dia 22 de fevereiro. Há previsão ainda de um terceiro período de inscrições, entre 1° e 3 de março.

Esse post foi publicado em Geral. Bookmark o link permanente.

9 respostas para Divulgado resultado do Enem 2009

  1. é IMPOSSÍVEL ACOMPANHAR ESTE RESULTADO. cONFUSO NÃO DÁ A NOTA GUANDO QUEREMOS. eSTE É UM MOMENTO MUITO RUIM.

  2. EU SÓ QUERO NA NOTA DO RESULTADO. NÃO CONSIGO!

    • Quero apenas saber do remanejamento de samara nolasco dias. para psicologia ufpe. cpf.097.578.364.51 inc. 2009.2237.1709 serie 142856, covest ufpe 0l00606
      Qual foi a impossibilidade? Tenho necessidade de saber.

  3. irinaldo barbosa guimaraes disse:

    site muito confusos, não ajudam em nada

  4. José Portugal disse:

    Boa Noite, quem quiser mais informações mandem-me um email que eu respondo tirando as dúvidas, pois estou bem por dentro do assunto. Quaisquer informações: jportugalrenno@hotmail.com

  5. Jose de Almeida disse:

    È bem verdade que o atual Governo Federal tem se esforçado para levar o país a uma condição de emergente, o que tem lhe rendido alguns bons adjetivos. Porém no que diz respeito à educação, uma de suas bandeiras, tem se mostrado totalmente fora de sintonia com a própria realidade que prega: o crescimento.

    Aqueles milhões de cidadãos-alunos que têm participado da propagada Revolução Educacional (dito pelo mesmo Governo), que seria o ENEM, têm motivos de sobra para questionarem TUDO que tem ocorrido no sentido de oferecer mais e melhores condições de estudo para TODOS que sonham com uma vaga no ensino superior.

    Sem perdemos muito tempo com as vergonhosas quebras de sigilo, dificuldades de acesso à internet, mau dimensionamento da demanda, descontentamentos, inclusive, daqueles que não têm disponibilidade de computador e que necessitam pagar pelo acesso, dúvidas diversas quanto à veracidade das informações, visto que, à luz do direito não temos nem como comprovar tais informações, etc; vamos direto ao mais relevante, já que sabemos da defasagem das próprias leis em relação á matéria: formalidades na internet.

    Mostrando total incoerência no dimensionamento da demanda das vagas para os números que o próprio governo divulga, pergunto:

    1- Onde estão as cotas ?
    2- As cotas são suficientes ?
    3- Onde estão as instituições ?
    4- Elas estão em sintonia com o governo federal ?
    5- Quantos candidatos cada Unidade da Federação apresenta ?
    6- Quantas vagas essa mesma unidade oferece para participar da unificação?
    7- Quantos candidatos existem acima das notas de corte em cada carreira ?
    8- Há coerência nas comparações históricas da relação candidato/vaga dos grandes centros (que seja) ?
    9- Onde está a TRANPARÊNCIA do site disponibilizado (SISU) que responda a estas e outras perguntas, que têm enlouquecido aqueles que continuam e continuarão sonhando ?

    ATENÇÃO MPF. Foi só publicarmos estas perguntas que divulgaram algumas destas informações nas últimas 24hs, o que deveria estar ocorrendo desde o início.

    Os candidatos do Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais, que já concorriam por ofertas insuficientes para as suas realidades, agora estão com suas realidades UNIFICADAS para todo o Brasil, só que o Governo Federal esqueceu de um pequeno detalhe:

    O SUDESTE ESTÁ ENTRANDO COM AS POUCAS VAGAS DAS INSTITUIÇÕES QUE ACREDITAM NO ENEM E OS DEMAIS ESTADOS ENTRAM COM OS CANDIDATOS. É JUSTO ?

    Sem querer generalizar, novamente o Sudeste paga pela incompetência interna de gestão da educação de alguns somada à importância que outros governos pelo Brasil afora deram à educação historicamente falando. Pesquisem e vejam as vagas que os outros estados oferecem aos candidatos do Sudeste. Depois vão procurar culpados pela favelização dos grandes centros, etc, etc, etc…

    Não temos nada contra candidatos de outros estados, apenas percebemos que a ação veio antes do dimensionamento e caminha para um triste final, que vai coroar as quebras de sigilo do começo do processo seletivo.

    Neste caso, os candidatos do Rio de Janeiro, São Paulo e Minas não merecem este desfecho que vai totalmente de encontro ao que seus descendentes fizeram pelo país.

    ISSO NÃO É REVOLUÇÃO É FALÊNCIA TEMPERADA COM INCONSTITUCIONALIDADE.

    • Sr. José concordo plenamente com o Sr, o “novo enem” que de novo não tem nada a não ser o modelo sufocador de prova, não resolveu nenhum dos problemas governamentais. O intuito de uma forma unificada de vestibular que favorecesse alunos de escolas carentes está totalmente em desacordo com a realidade. As notas de corte foram altissimas se comparadas as notas para obtenção do certificado do ensino médio. Eu por exemplo sou um vestibulando minha nota foi razoavelmente boa, em média 660,00 porém se eu quisesse cursar alguma faculdade de engenaria com esta nota, seria ou no Rio Grande do Sul ou Amazonas. Fui aluno de escola particular e sinceramente nunca fui mal aluno, mas após pensar sobre seu comentário vejo que o sistema foi por água abaixo, alunos de escola públicas e/ou carentes continuam prejudicados com o método de provas e inscrições, que foram feitas pela internet.
      Talvez se todas as faculdades tivessem aderido ao sistema teria sido uma chance maior, mas com esse sistema, os melhores alunos irão para as melhores faculdade e muitos farão cursos que não desejam pelo simples fato de serem faculdades federais. Eu me recuso a isto e continuo achando que educação deveria sim, ser para todos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s